Iniciativa pioneira reúne órgãos de Segurança Pública em Workshop UAS no DECEA

blank
Iniciativa pioneira reúne órgãos de Segurança Pública em Workshop UAS no DECEA

Em uma iniciativa pioneira, o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) reuniu, no último dia quatro de outubro, representantes de órgãos de Segurança Pública, Defesa Civil, Busca e Salvamento e Inteligência para a realização de um workshop especialmente dedicado às operações de Aeronaves Não Tripuladas.

O Workshop UAS (Unmanned Aircraft Systems – em português, Sistemas de Aeronaves Não Tripuladas) foi realizado no auditório do Subdepartamento de Operações (SDOP) do DECEA e teve por intuito estreitar os laços entre o Departamento e estas organizações de modo a viabilizar o intercâmbio de informações relacionadas às estruturas, às estratégias e ao emprego dos Sistemas de Aeronaves Não Tripuladas em suas respectivas áreas de atuação.

Estiveram presentes representantes da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), da Polícia Rodoviária Federal, da Polícia Federal, do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMRJ), do Gabinete de Segurança Institucional do Governo do Estado do Rio de Janeiro (GSI-RJ) e das Polícias Civil (PCERJ) e Militar (PMERJ) do Rio de Janeiro.
blankO evento foi aberto pelo chefe do SDOP, Brigadeiro do Ar Eduardo Miguel Soares que fez questão de enfatizar a busca contínua pela segurança das operações nas estratégias implementadas pelo DECEA. “Apesar de já não ser um assunto tão novo, todos os países do mundo, mesmo a própria Organização de Aviação Civil Internacional (OACI), ainda têm dúvidas e estão em buscas de soluções no que diz respeito ao controle do espaço aéreo desse tipo de voo. Estamos acompanhando de perto e seguimos normatizando e fazendo nosso trabalho para viabilizar a atividade de modo mais seguro possível. Da segurança, não podemos abrir mão. E ela está completamente relacionada ao adequado cumprimento das normas”, afirmou o oficial-general.

Na ocasião, foram apresentadas as rotinas, os projetos e as atividades das seções de Planejamento, de Normas e de Coordenação e Controle de Sistemas de Aeronaves Não Tripuladas do DECEA. Seções subordinada ao SDOP, responsáveis, respectivamente, pela definição e implementação de novos projetos, pela legislação e pelas operações correntes da atividade no País.

blank

O chefe da Seção de Coordenação e Controle de Sistema de Aeronaves Não Tripuladas, Tenente Eduardo Silva, demonstrou como às operações dos voos não tripulados no País vem sendo coordenadas pelo DECEA. Explicou as nomenclaturas adotadas, as competências e atribuições dos órgãos reguladores, a adequada solicitação de acesso ao espaço aéreo por meio do SARPAS, a operação oportuna da posição tática da equipe do SARPAS no Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA) e, entre outras observações, destacou a intensa demanda por informações relativas à atividade, recebidas diariamente pelo Sistema de Atendimento ao Cidadão do DECEA.

“Esperamos, sobretudo que os participantes multipliquem em suas corporações os procedimentos apropriados relativos aos cadastros e às solicitações de voo e que obtenham de nós as diretrizes para que as operações com os drones sejam realizadas em conformidade com as normas, com vistas à manutenção da segurança operacional”, afirmou o Tenente.

O Workshop UAS foi inicialmente direcionado aos órgãos do Estado do Rio de Janeiro, tal como um projeto piloto. Há a intenção de futuramente estendê-lo aos órgãos se outras regiões, e, mesmo, em âmbito nacional.

blank

Veja mais em: DECEA

Assessoria de Comunicação Social do DECEA 
Reportagem: Daniel Marinho 
Fotos: Luiz Perez

Siga-nos no instagram: @defesanewsoficial

Veja os nossos programas no Youtube a qualquer hora e local
https://www.youtube.com/defesanew

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa News na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.