Navios da Flotilha do Amazonas apreendem materiais ilícitos durante Operação “Ágata III/2021”

blank
Navio-Patrulha Fluvial “Amapá” durante abordagem no município de Jutaí
Durante a Operação “Ágata III/2021”, na última semana do mês de setembro, na região do Rio Japurá e do Rio Solimões, compreendida entre as cidades de Alvarães e Benjamim Constant (AM), os Navios-Patrulha Fluvial “Amapá” e “Roraima”, subordinados ao Comando da Flotilha do Amazonas, apreenderam cerca de quatro quilos e meio de entorpecentes, 11 quilos de mercúrio, 300 gramas de ouro, munições e 31 quelônios (tracajás e jabutis).
A operação tem como objetivo combater o tráfico de drogas e armamentos por via fluvial; coibir a ação de embarcações do tipo “draga”, utilizadas no garimpo ilegal para extração de recursos minerais sem autorização dos órgãos competentes, além de reprimir o uso do mercúrio nocivo à saúde humana e ao meio ambiente.
Além dos navios, as Capitanias e Agências realizaram fiscalizações totalizando mais de 700 embarcações inspecionadas. Destas, 41 foram notificadas com irregularidades, 19 apreendidas e 26 pessoas envolvidas em atividade ilegal encaminhadas para os órgãos de Segurança Pública para averiguações.
blank
Quelônios* apreendidos durante a operação
foram devolvidos à natureza

 

*Os quelônios são os representantes da Ordem Testudines (Classe Reptilia), que inclui as tartarugas, os cágados e os jabutis.

Fonte: Centro de Comunicação Social da Marinha

Siga-nos no instagram: @defesanewsoficial

Veja os nossos programas no Youtube a qualquer hora e local
https://www.youtube.com/defesanews

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa News na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.